DEPOIMENTOS

Depoimento de Sueli

Prezada Ângela

Vejo com freqüência o seu pedido de depoimentos pessoais sobre a experiência com a CMT e hoje me sinto com coragem de expor a nossa história. Minha experiência começou quando levei meu neto, então com 15 anos, ao quinto ortopedista a fim de buscar ajuda para as dores nos pés que ele começou a sentir por volta dos 11 anos e que, a essa altura, já estavam bem tortos, com enormes calosidades nas laterais e todo o desconforto para andar.
Comprar calçados…um verdadeiro suplício.
Os ortopedistas anteriores não sabiam bem o que dizer, mandavam comprar palmilhas, marcas específicas de tênis e para alguns a idéia de cirurgia só depois que completasse o crescimento acreditando se tratar de uma doença hereditária de natureza ortopédica. Continue reading

Depoimento de Marcela

Sou  Marcela, moro em Londrina, e vi no site da CMT Brasil sobre uma Associação que estão tentando formar. Tenho CMT, diagnosticada praticamente aos 1 ano e meio de idade ou mais, e desde os 4 anos faço tratamento todos os dias,isso quer dizer que faço tratamento há 23 anos.

Quando eu comecei a falar com 9 meses de idade, também  queria começar a andar mas não conseguia. Minha mãe conta que eu ficava em pé e não tinha equilíbrio e para alcançar as coisas que eu queria, ao invés de engatinhar, eu me arrastava no chão.

É claro que a família na época chamou minha mãe de tudo quanto é nome, achando que na verdade eu não tinha nada e que rapidamente aprenderia a andar. Não contente, minha mãe me levou a MUIIIIIIIIIIITOS médicos e a conversa era sempre a mesma: que eu era gorda e preguiçosa. Continue reading